A frase acima, e que tomo emprestada para nomear meu texto desta semana, está na propaganda do Centro de Controle de Zoonoses que sai semanalmente nos periódicos da cidade. Por falta de espaço, há apenas o endereço do CCZ, telefone, algumas frases e os desenhos de um cãozinho e de um gatinho. 
         Protetoras independentes, e que são também conselheiras do CMPDA, fazem feiras de adoção todas as semanas. Infelizmente, o número de animais que são adotados está sempre aquém do número daqueles que chegam ao CCZ. São muitos, mas, no momento, há duas cadelinhas muito especiais que precisam de adotantes também especiais! E esta coluna será dedicada a procurar um lar para elas! 
 

"Esta é a Minie. Poodle, de pequeno porte. É uma cachorrinha muito alegre, brincalhona, inteligente e curiosa. Deve ter uns 3 anos. Sofreu muito com o abandono e maus-tratos. Talvez por isso seja tão arisca com crianças e outros animais. Já foi adotada e devolvida ao CCZ três vezes por não ter se adaptado aos lares em que havia crianças e outros bichos. Torna-se extremamente possessiva com o dono com quem é muito dócil, apega-se muito rapidamente, por isso precisa ser adotada para ser o único animal de estimação da casa - e também ficar afastada de crianças pequenas sem supervisão".

"Esta é a Peppa. Vira-lata. Tem 4 anos, aproximadamente. De pequeno porte. Chegou ao CCZ com seus filhotes. Todos foram adotados, menos ela. É esperta, de bom temperamento, adora colo e, apesar de mansa, não gosta de gatos nem de crianças, mas convive bem com outros cães. É muito companheira e boa como guarda da casa". 

Os animais, assim como os humanos, têm suas particularidades, sendo que muitas delas são o resultado da vida que levaram. Estas duas cachorrinhas só precisam de um lar seguro e donos amorosos (adultos!). 
Aos interessados:
CCZ - rua Manoel Gajo, 2.644, Parque Estoril - de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.
Telefone: 3316 4079

     

Comente a Notícia!

Seu nome:

Seu e-mail: (não divulgaremos o seu e-mail)

Seu comentário:


Comentários

Ainda não existem comentários para esta notícia.